Paineis – 28 de novembro

Nos paineis acontecem as apresentações de casos de sucesso na área da formação, e retomam o tema do dia: Arte e Cultura na Vida das Pessoas.

Afonso Oliveira (Método Canavial – PE) atua na Zona da Mata (norte) e trabalha a questão da formação de produtores culturais capazes de viabilizar seus próprios projetos através de editais e incentivos fiscais. Consequentemente esse trabalho valoriza a região, os artistas locais, a tradição oral, preserva a memória, confirma a identidade e resulta na inserção da arte no dia a dia das pessoas que antes não tinham nada e agora tem possibilidade e condições. Luta para que a administração dos meios de produção cultural esteja nas mãos dos produtores locais. 60% de seus projetos são de formação.

Alexandre Sequeira (Nazaré do Mocajuba – PA), o fotógrafo contou como realizou um projeto que levou arte diretamente para as pessoas de um vilarejo isolado no Pará valorizando a identidade local e promovendo a reflexão. Através de uma série de retratos aplicados, o projeto foi realizado com verbas de um edital público e hoje o MASP já adquiriu fotos de Alexandre para a famosa coleção Pirelli e, tirando custos de produção, a renda foi destinada à comunidade local que tem autonomia para usar o dinheiro. Neste video do TEDx Amazonia ele explica em detalhes como se originou o projeto e o impacto dos retratos dos moradores na vila de pescadores na região amazônica.

Lula Gonzaga (Pto de Cultura Cinema de Animação -PE), produtor cultural, desenhista e animador, seu principal projeto leva cinema para quem há muito tempo não frequenta uma sala de exibição ou mesmo nunca viu um filme. O produtor lembrou que 92% das cidades brasileiras não têm cinema e sendo assim, leva cinema nacional às praças e recebe em cada exibição em média 400 pessoas. Também desenvolve projetos de oficinas de desenho animado junto à crianças e adolescentes que aprendem a arte da animação clássica e colocam em prática produzindo seus próprios filmes.

Celso Atayde (Cufa – RJ), o produtor cultural contou um pouco de sua trajetória de vida, que passou pelas ruas do Rio de Janeiro até se tornar escritor do três best sellers em parceria com o rapper Mv Bill e o sociólogo Luiz Eduardo Soares. Seu quarto livro: O Manual dos Basqueteiros, a primeira publicação de basquete de rua que se tem notícia. A Cufa faz quatro programas de tv e no ano que vem inaugura a Universidade da Cidade de Deus em parceria com a UFRJ. Athayde realiza reconhecidos projetos culturais em favelas e periferias de mais de 17 paises atualmente, sendo alguns deles apoiados pela TV Globo e Prefeitura do Rio de Janeiro e outros tantos em parceria com  diversas ongs e fundações. Luta pela democratização da informação, pelo acesso à cultura, pela formação do cidadão protagonista da ação.

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized e marcado , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s